ORAÇÕES QUE SOBEM E MÃOS QUE SE LEVANTAM


(Sl 141.2)

Suba a minha oração perante a tua face como incenso, e seja o levantar das minhas mãos como o sacrifício da tarde.

Preambulo: Eu fico impresionado ao saber que nossas orações estão no céu, são ouvidas, registradas e respondidas. Algumas orações especiais e especificas deveriam ser escritas, colocadas datas, só assim nós poderiamos contar quantas orações são respondidas. Jorge Müller tem um livro cinquenta mil orações respondidas.

I – ORAÇÕES QUE SOBEM

1.    Sem amplificação: Para falar num grande auditorio e que todos possam ouvir é preciso ser amplificada a voz em decibeis. As vezes nossas orações são apenas gemidos, sem palavras e igual elas são recebidas.

2.    O Espirito Santo codifica a oração: Na linguagem do céu. Veja uma grande diferença uma mangueira que transporta liquidos visiveis, mas um fio conduz imagem, som, movimento, sem que nós possamos ver. As ondas de radio viajam pela ionosfera.

3.    A semelhança do incenso: O incenso tem a função de produzir um cheiro agradavel, não é desinfetante (só no espiritismo) A oração verdadeira é recebida por Deus num sistema de olor agradavel.

4.    Oração de confição: A que mais sobe, a que mais cheiro agradavel tem de incenso é a oração ao estilo de Esdras. (Ed 9.5,6) E, perto do sacrifício da tarde, me levantei da minha aflição, havendo já rasgado a minha veste e o meu manto, e me pus de joelhos, e estendi as minhas mãos para o Senhor, meu Deus. E disse: Meu Deus! Estou confuso e envergonhado, para levantar a ti a minha face, meu Deus, porque as nossas iniqüidades se multiplicaram sobre a nossa cabeça, e a nossa culpa tem crescido até aos céus.

5.    Oração feito a capricho: Renovando o vocabulario, orando com palavras pensadas, bem pensadas. Orando com adjetivos. Parando de pregar na oração. Parando de fazer orações com vãns repetições. (Mt 6.7) E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que, por muito falarem, serão ouvidos.

II – ORAÇÕES QUE NÃO SOBEM

1.   Orações cacofonicas: Cacofnia é repetir a mesma expressão varias vezes. Deus querido, Deus querido, Deus querido. Em tres minutos de oração repete trinta vezes aleluia.

2.   Orações interrompidas: Pessoas que conseguem ficar mais de 10 minutos num telefone, devem sabe orar. Assim como não se interrompe uma converça de amigos, não se pode interromper.

3.   Orações distraidas: Distraida pela mente que manda informações de sono, fome ou de ir ao banheiro. Destraida pelo barulho de pessoas que não sabem guardar os pes na casa do Senhor.

4.   Orações feitas aos olhos dos outros: (Ef 6.6) não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus. Esse tipo de oração é aquela só para ser vista pelos homens. A pessoa esta ojoelhada num templo em silencio, ahi percebe que chegou alguem, ela começa orar só para dizer que estava orando.

III – MÃOS QUE SE LEVANTAM

1.   Posição de Identificação: No sistema de perdão de pecados no Antigo Tastemento havia um tipo de perdão que o ofertante colocava a mão sobre a cabeça do animal e confessava o seu pecado. Neste ato, se percebia pela sua mão sua posição mão, sua posiçãl social, pelo anel que levava, pela mão delicada (fina) que tinha. (Lv 1.4) E porá a sua mão sobre a cabeça do holocausto, para que seja aceito por ele, para a sua expiação.

2.   Posição de Rendição: Estamos num mundo que usa a palavra Rendição apenas negativamente, admitir a derrota em uma batalha, perder uma competição. Na civilização competitiva de hoje, somos ensinados a nunca desistir ou ceder, mas render-se a Deus é a essência da Adoração.

3.   Posição de Socorro: (Sl 109.26) Ajuda-me, Senhor, Deus meu! Salva-me segundo a tua misericórdia.

4.    Como o sacrificio da tarde: Havia dois sacrificios diarios, o matutino e o vespertino. (Nm 28.4) Um cordeiro sacrificarás pela manhã e o outro cordeiro sacrificarás de tarde.

5.    Na viração do dia: (Gn 3.8) E ouviram a voz do Senhor Deus, que passeava no jardim pela viração do dia; e escondeu-se Adão e sua mulher da presença do Senhor Deus, entre as árvores do jardimEra hora de visita, hora de ouvir a voz de Deus e Adão e Eva estava escondendo-se

6.    No crepusculo do dia: Período conhecido como entre as duas tardes. Usamos dizer: de tarde e de tardezinha. Neste horário era sacrificado o Cordeiro Pascual, hora do sacrifício. (Ex 12.5,6) O cordeiro, ou cabrito, será sem mácula, um macho de um ano, o qual tomareis das ovelhas ou das cabras e o guardareis até ao décimo quarto dia deste mês, e todo o ajuntamento da congregação de Israel o sacrificará à tarde.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s